domingo, 3 de julho de 2011

A pergunta

Manhã preguiçosa de domingo e a rotina de sempre: o pai lia o jornal, sentado no sofá, a mãe tricotava uma nova roupa para o pequeno que viria logo menos, e a filha caçula brincava com os blocos de montar no tapete. Uma típica família respeitável.

- Mãe, que é sexo?

A mãe derrubou as agulhas e a linha no chão. O pai largara o jornal imediatamente. Meu Deus, sua filhinha, falando em sexo, nessa idade? Esse mundo tá perdido!

- Filhota - o pai respirava com dificuldade -, onde foi que ouviu isso?
- Na escola, ué.

"Ok, aja naturalmente. Ela tem seis anos. Não vai entender muita coisa. É só enrolar com o papo da sementinha e é certeza que ela para com isso"

- Ó, é assim: o papai, quando viu que o amor que tinha pela mamãe era muito, muito grande, plantou uma sementinha dentro da barriga dela. Essa sementinha cresce feito o feijão que você plantou na escola, lembra? Vai vindo folhinha por folhinha...
- Pai, isso eu sei. Eu quero saber o que é sexo!
- Amorzinho – intercedeu a mãe, diante do desespero evidente do pai -, posso conversar com o seu pai, pra eu já te contar o que é, hm... Sexo?
- Tá. Eu vou lá pegar o caderno onde a tia escreveu sobre o “sexo”. Mas vocês prometem me contar o que é sexo quando eu voltar, né?
- Vamos, eu prometo.

A filha saiu batendo o pé. Os pais se entreolharam, assustados.

- Querido, acho que já tá na hora de ter esta conversa.
- Não mesmo! Eu só fiquei sabendo quando tinha uns dez anos. Tá cedo demais. E, além disso, essa escola, hein?
- Tava pensando nisso, também.
- Ah, não, ela tá voltando.
- Seja natural. Não é um assunto tão difícil assim...

A pequena desceu a escada, a expressão normalizada.
E um caderno debaixo do braço.

E esse o caderno. O caderno em que ela escreveu a palavra 'sexo' pela primeira vez. Tão pequena, já estudando essas coisas! Pô, é o primeiro ano!”
Até ontem ela nem sabia ler direito. E eu que achava estar acompanhando o desenvolvimento da minha filha...!”

- Mãe, é esse sexo aqui.

E qual não foi a surpresa geral quando os pais constataram que este era o sexo que sua filha se referia:

Sexo: ( ) masculino ( ) feminino

- Vocês me prometeram! O que é o tal do sexo, hein?
- ...

19 comentários:

Elania disse...

kkkk, ai foi engraçado ><
Coitado dos pais. Gostei :)

Raiane Paula disse...

Suspeitei desde o princípio...
rs

anne biah disse...

Suspeitei desde o princípio! HAHA
Mentira, desde que a menina foi pegar o caderno.

Beijos, Sammy!

Pedro Ricelly disse...

Meu pai ficou constrangido até quando eu perguntei o que era testículo KKK

Esses pais ...

Gabriela F disse...

AHAHAHAHAHA bom demais, eu não suspeitei.

girafas disse...

que pais maliciosos! hahahaha.

Sofia disse...

Pais maliciosos mesmo' kkkkkkkkkkk

Thaís A. disse...

hahahahahaha, ai como a gente é, né?
a menina na maior inocência, adorei!

Venerdì Meminger. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Thaís. disse...

HAHAHAHAHAHAH Adorei a história, confesso me surpreendi no final e até risada. Seu texto me lembrou um acontecimento parecido comigo. A minha mãe disse que quando eu cheguei do meu primeiro dia de aula eu disse aos meus pais que tinha aprendido o nome dos órgãos sexuais do homem e da mulher. HAHAHA Imagine a cara que os dois não fizeram...
Adorei o seu cantinho, tudo muito aconchegante e agradável por aqui. Voltarei mais vezes. Um grande beijo e um abraço apertado da sua mais nova leitora, @pequenatiss.

angel red disse...

Nem sei como vim parar aqui. Mt legal o post. Adulto sempre fica desorientado diante dessas perguntas.
Já escrevo sobre isso tmb há um tempo atras. Se quiser dê uma olhada: http://smallangelred.blogspot.com/2008/06/perguntas-de-crianas.html
Voltarei aqui mais vezes.
Bjoks

Ana Cláudia disse...

E os adultos, que sempre sabem de tudo, nunca sabem responder à inocência das crianças, rs.
O final foi o melhor.

Georgette. disse...

rsrs Também pensei ser isso, adorei o blog. Beijos.

Thaíse L. disse...

kkkkk, adorei! Mas hoje isso acontece sempre, os pais sempre pensam que tem algo a mais no dois mais dois, igual a quatro. Beijos.

Larah disse...

hahaha eu adorei, ótima crônica

ilustradas disse...

No fim, é realmente algo mais simples do que imaginamos.

João Esteves disse...

A menina queria só marcar uma dasw opções ... sexuais. E a conversa fiada da sementinha ela já conhecia, mas não resolvia seu problema. Gostei.

Izabel Lisboa disse...

Mas, afinal, o que é sexo?!rs

Cristiane Freixo disse...

Já li algo parecido e ache mt engraçado HUAEHUUAEH

http://queridaoverdose.blogspot.com.br/